Pirataria de software gera prejuízo mundial de R$ 300 bilhões por ano | CRYPTOID

Pirataria de software gera prejuízo mundial de R$ 300 bilhões por ano Regina Tupinambá

A pirataria é, de fato, um dos maiores problemas para a indústria de software brasileira.

A Pronova, pioneira no mercado de Segurança da Informação, oferece diferentes modelos de chaves de proteção, para uso local ou em rede, que atendem às diferentes necessidades de proteção dos desenvolvedores

Conforme estudo realizado pela Business Software Alliance (BSA), quase a metade dos softwares instalados no Brasil não são licenciados.

No cenário mundial, o Brasil encontra-se acima da média global em relação ao índice de pirataria. O uso de tecnologias que impeçam o uso de cópias ilegais torna-se, então, uma ferramenta importantíssima contra os prejuízos causados por esta prática.

Mauro Moreira | Diretor da Pronova

Segundo Mauro Moreira, diretor da Pronova, empresa especializada em Segurança da Informação e Certificação Digital, “a proteção via hardware é uma das opções mais confiáveis contra a pirataria de software. Com esta tecnologia, além da segurança, o desenvolvedor consegue uma maior flexibilidade na política de licenciamento de seu software. A utilização da proteção via hardware facilita o controle por parte do desenvolvedor, que não precisa nem mesmo instalar nova versão de seu programa nos ambientes de seus clientes caso estes troquem seus computadores.”

No mercado de desenvolvimento de software a pirataria torna muito difícil o investimento em melhorias e atualizações dos programas, além de prejudicar o funcionamento e crescimento das empresas. No final, todos perdem com isso.

As tecnologia de segurança devem ser utilizadas, justamente, para garantir que os desenvolvedores tenham seu investimento preservado e alcancem seu retorno financeiro de forma justa, sem sofrerem com o uso indevido de seus programas. A proteção via hardware, como os sistemas oferecidos pela Pronova, oferecem diferentes modelos, voltados para as diferentes necessidades de proteção, desde um controle mais simples a funções de cálculo, função de smart card associada, entre outras.

Sobre a Pronova

A Pronova é formada por uma equipe com mais de 20 anos de experiência na área de proteção de software, tendo lançado no Brasil o produto Hardlock, que, ainda hoje, tem seu nome utilizado como sinônimo de chaves de proteção de software. Atualmente, a empresa oferece uma linha de produtos que atendem diferentes necessidades de proteção, seja para softwares desenvolvidos para uso local ou em rede.

O post Pirataria de software gera prejuízo mundial de R$ 300 bilhões por ano apareceu primeiro em CRYPTOID. http://ift.tt/2rYMy5g http://ift.tt/2aM8QhC

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s